Curiosidades

Michel Rolland e sua longa trajetória no mundo do vinho

11 março 2019
  • 2067 visualizações
  • 0 comentários

Michel Rolland é o enólogo consultor mais famoso do mundo, tendo trabalhado com mais de 110 vinícolas em 21 países ao redor do planeta. Saiba mais.

Michel Rolland tem contato com o mundo do vinho desde criança. Francês nascido em Bordeaux, terra dos grandes rótulos, ele transformou sua paixão em profissão, formando-se enólogo. Hoje, Rolland é o enólogo consultor, também chamado de flying winemaker, mais conhecido do planeta.

Além disso, Michel Rolland consagrou-se também atuando como enólogo talentoso e detalhista de seus próprios vinhos, com exemplares que encantaram paladares mundo afora, como o Clos de Los Siete, por exemplo. Feito em parceria com mais seis enólogos, esse tinto elegante e pontuadíssimo foi elaborado no privilegiado terroir de Mendoza, supervalorizado por Rolland.

Ele se apaixonou por Mendoza em 1988 e, desde então, iniciou projetos na região. Ele mantém sua própria vinícola também em Bordeaux, a Bodega Rolland.

Hoje, aos 71 anos, ele atua mais como consultor. Sua rotina atribulada faz com que ele viaje seis meses ao ano, visitando vinícolas e ajudando na produção de vinhos de excelência.

Dica de leitura:  Novo Mundo x Velho Mundo

Confira um trecho da entrevista que ele deu para a Revista Wine.

Revista Wine – Há quanto tempo o senhor trabalha como winemaker?

Michel Rolland – Há bastante tempo, já são 46 colheitas na Europa e outras 31 na Argentina.

RW – E qual é a parte mais interessante desse trabalho?

MR – As vinhas, os vinhos e criar blends. Como um flying winemaker, acho que a melhor parte é a diversidade de pessoas que conheço e de vinhos que descubro pelo mundo. Mas o que mais me fascina é quando alguém me pede: “Quero um vinho capaz de receber 100 pontos”. Bom… aí temos que começar do zero.

RW – Entre tantas vinícolas, com quantas o senhor trabalha atualmente?

MR – Costumava trabalhar pessoalmente com mais de 110 vinícolas, mas agora diminuí um pouco o ritmo. Hoje, eu e meu time, juntos, prestamos consultoria para mais de 200.

Dica de leitura:  O mapa da mina dos eventos

RW – Como o senhor enxerga essa nova geração de enólogos em todo o mundo?

MR – Há enólogos fantásticos no mundo do vinho hoje. Muitos deles trabalham – e muito bem – em apenas uma propriedade.  Mas, para serem os melhores no que fazem, não devem esquecer de estar sempre em contato com outros países, outras pessoas.

Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.