Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Dicas

Septimum: conheça o brasileiríssimo vinho nobre da Salton

17 agosto 2017
  • 2424 visualizações
  • 0 comentários

A Salton, um dos grandes nomes da viticultura do Brasil, elabora vinhos deliciosos, reconhecidos internacionalmente. Conheça o Septimum, rótulo elegante que integra à linha Exclusividade.

Para quem ainda não se apaixonou pelos vinhos brasileiros, vale a pena conhecer o incrível Septimum, rótulo de altíssima qualidade elaborado pela Salton.

Matérias-primas de alto nível, investimentos constantes em tecnologia e respeito ao meio ambiente permeiam os valores da Salton. Somente uvas de excelência são usadas na elaboração dos produtos, parte fundamental para a qualidade de todos eles.

Atualmente, a empresa está presente nas principais regiões produtoras do Rio Grande do Sul: Serra Gaúcha, Serra do Sudeste, Campos de Cima da Serra e Campanha Gaúcha, e busca explorar o melhor de cada terroir na produção de vinhos finos, espumantes, frisantes e sucos de uva. Cada produto mais delicioso que o outro! Aqui falamos um pouco mais sobre a diversidade da vinícola.

A origem de tudo

Antonio Domenico Salton saiu de Cison di Valmarino, na região do Vêneto, Itália, em busca de melhores oportunidades de vida no Brasil, como muitos imigrantes italianos. Em 1878, ele se instalou com sua família no local em que, hoje, é Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, onde produzia vinhos de forma artesanal.
Em 1910, os sete filhos de Antonio fundaram formalmente a Salton. Mais de 100 anos depois, com a terceira geração à frente dos negócios, a vinícola é reconhecida como uma das principais empresas do ramo do vinho do Brasil.

Dica de leitura:  7 vinhos Malbecs para iniciantes ou experientes

O espetacular vinho Septimum

“Conhecemos o projeto do Septimum da Salton desde o lançamento da primeira safra, em 2009. Uma elaboração ambiciosa, feita com sete uvas, Tannat, Ancelotta, Merlot, Cabernet Franc, Teroldego, Cabernet Franc e Marsellan, mostrando como o Sul do país trabalha bem as castas italianas além das francesas.

As variedades foram colhidas no tempo exato de amadurecimento e os mostos foram fermentados separadamente em barricas de carvalho francês. Cada um descansou por 12 meses, proporcionando ao vinho complexidade, potência e equilíbrio fantásticos.

A safra 2012 é mais uma edição limitada de 6.798 garrafas. O corte mudou um pouco, saiu a Ancelotta e entrou a Petit Verdot, o que contribuiu para aumentar a elegância, deixando um final longo e rico. Realmente é um rótulo bárbaro, um grande orgulho para o vinho brasileiro.”

Vicente Jorge, Winehunter

Dica de leitura:  7 vinhos brasileiros que você precisa provar

Despertamos sua curiosidade? Agora é hora de experimentar o Septimum e comprovar seu alto nível!

Recomendamos para você:

( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.