Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Harmonização de A a W

Culinária Nikkei: a união das cozinhas japonesa e peruana

26 maio 2015
  • 3025 visualizações
  • 0 comentários

Saiba tudo sobre a comida Nikkei, esse saboroso e irreverente estilo gastronômico que tem conquistado cada dia mais interesse e curiosidade.

A culinária Nikkei existe há mais de 100 anos no Peru, que em 1899 recebeu a primeira leva de imigrantes japoneses da América Latina, após a assinatura de um tratado entre os dois países.

Milhares de japoneses chegaram para trabalhar como agricultores nas plantações de açúcar do Peru. Em vez de retornar para o Japão, quando os seus contratos terminaram, muitos permaneceram na região à procura de outro trabalho.

Dois países separados por 15.500 quilômetros, mas unidos pelo Oceano Pacífico, provedor de suas maiores riquezas culinárias, vindas do mar.

Os imigrantes japoneses, cuja cultura gastronômica era muito forte e presente, não abriam mão das suas tradicionais refeições. Contudo, começaram a inserir, progressivamente, ingredientes peruanos aos seus pratos.

Assim surgiu a cozinha Nikkei, nome que designa os descendentes de japoneses nascidos fora do Japão ou os japoneses que vivem no exterior.

Dica de leitura:  Roussillon - Roteiros do vinho

O Japão e o Peru podem até parecer uma parceria inesperada, à primeira vista. O fato é que a comunidade japonesa contribuiu profundamente para a sociedade peruana durante décadas, dando um toque japonês para a comida crioula do Peru.

A culinária Nikkei combina ingredientes antigos e de alta qualidade, transformando os pratos peruanos, ao usar sabores e técnicas japonesas. O resultado é uma cozinha com muita personalidade e identidade individual.

Ela tem se tornado cada vez mais popular e tem evoluído ao longo dos anos, transformando-se em uma gastronomia criativa, exótica e muito rica em aromas e sabores.

Vale a pena experimentar! Inclusive, existem restaurantes no Brasil que são especializados nesse estilo gastronômico.

Sugestões de vinhos que harmonizam perfeitamente com a comida Nikkei:

Sburoun Bianco Rubicone IGT 2013Sburoun Bianco Rubicone IGT 2013 – Intenso, elegante, com notas de amêndoas, ótimo frescor e complexidade. Sem dúvida, um branco exótico.

Dica de leitura:  Food Trucks apostam em vinhos

Solar das Bouças Loureiro Vinho Verde 2013Solar das Bouças Loureiro Vinho Verde 2013 – Com aroma de maçã verde, notas de limão, louro e pinheiro, esse exemplar é refrescante e jovem.

 Vin Mousseux Veuve D´Argent Blanc de Blancs BrutVin Mousseux Veuve D´Argent Blanc de Blancs Brut – Vivo, jovem e cremoso, esse saboroso espumante é elaborado na Bourgogne.

Fantinel Spumante Rosé BrutFantinel Spumante Rosé Brut – Um espumante cremoso e elegante, com aroma de frutas vermelhas, sutileza e intensidade na medida certa.

 

 

Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.