Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Harmonização de A a W

Harmonizações simples para uma páscoa em casa

07 abril 2020
  • 3956 visualizações
  • 6 comentários

Combine vinho e comida e se inspire para o feriado com seis dicas certeiras de como harmonizar

A páscoa desse ano será um pouco diferente. A data comemorativa que em 2020 cai no dia 12 de abril será mais reservada, com o pessoal de casa, na presença de pouca gente. Em meio a tudo isso, uma paixão é que não pode ficar de fora: seu vinho favorito.

E como nesses tempos a ideia é harmonizar a bebida com ingredientes simples que se tem na despensa e na geladeira, criamos um guia para harmonizar vinho e comida.

Afinal, não há muito mistério na hora de harmonizar vinho e comida, mas pequenos cuidados devem ser adotados, como por exemplo, analisar o peso e a textura tanto do vinho a quanto da comida.

A regra é simples: pratos leves devem acompanhar vinhos leves. Pratos ácidos devem acompanhar vinhos leves e bem frescos. Já os pratos gordurosos e untuosos precisam de vinhos com taninos mais potentes e acidez alta.

Vamos às dicas que fazem o ato de harmonizar vinho e comida é uma tarefa deliciosa e que você pode fazer junto de quem ama, mesmo estando fisicamente separado. Para que fique ainda mais gostoso, confira aqui as dicas de aplicativos de vídeo conferência para seu Happy Hour.

Harmonização por cor

Esse tipo de harmonização é ideal para quem está iniciando no mundo dos vinhos, pois é bem fácil de gravar.

Dica de leitura:  Culinária Nikkei: a união das cozinhas japonesa e peruana

Carne de porco, camarão e lagosta vão bem com vinho rosé; carne branca ou massas ao molho branco, com vinho branco; e carne vermelha ou massas de molho vermelho, com tintos.

Aqui é preciso atenção quanto à intensidade do prato e do vinho, que devem estar sempre em harmonia. Para pratos menos gordurosos, um exemplar mais leve e para os untuosos, vinhos mais estruturados.
Ex.: risoto de camarão com um rosé mais encorpado, enquanto camarão no vapor vai bem com um mais leve.

Harmonização por aromas e sabores

Vinhos de aromas e sabores mais complexos vão bem com carne de caça. Nessa harmonização, destacam-se notas de couro, incenso, tabaco, castanhas, que se complementam muito bem com carne de javali, coelho, cordeiro e faisão.

Atenção ao molho

O molho é muito importante! Atente-se a ele sempre que fizer parte do prato, porque na carne, na salada e na massa é o que dita a regra geral.

O tipo de massa, por exemplo, não faz diferença na harmonização, mas o molho sim. O esquema geral também se aplica: molhos leves, com vinhos mais leves; já molhos encorpados, como o matriciana, ficam melhor com exemplares estruturados.

Dica de leitura:  Série Harmonizações Brasileiras - Rio Grande do Norte

Casamento perfeito

A páscoa pode ser uma excelente oportunidade para se colocar em prática um clássico: frutos do mar vão super bem com espumantes. Até mesmo o bacalhau fica uma delícia com espumantes. Escolha o seu.

Saia do trivial

Normalmente, harmoniza-se uma bela tábua frios com vinhos tintos. Porém, alimentos ricos em gordura combinam muito mais com vinhos brancos, já que a acidez contrapõe a untuosidade.

Siga seu coração

Paladar pessoal. Embora várias dicas ajudem, vale a pena ter suas próprias experiências. Se você gosta de pipoca com espumante, sopa com rosé, sushi com tinto, não importa. O que vale é a sua satisfação, afinal, cada paladar se comporta de uma forma diferente. E o importante, mesmo, é que sua páscoa seja deliciosa. E em ótima companhia. Mesmo que virtual.

E o chocolate?

Quer combinar o seu vinho com chocolate? Então confira aqui os momentos em que vinho e chocolate são uma combinação perfeita.

Wine Em Casa

Aproveite o projeto Wine Em Casa, com receitas, inspirações, promoções e muito conteúdo para mergulhar no delicioso mundo do vinho sem sair de casa.

Escrito por: Wine