Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Curiosidades

7 alimentos difíceis de harmonizar com vinho

25 fevereiro 2015
  • 3290 visualizações
  • 7 comentários

Conheça sete alimentos difíceis de harmonizar com vinho e confira dicas de como compor possíveis combinações.

Para quem aprecia vinho, compor a harmonização perfeita é sempre um bom desafio. O ato de combinar os aromas e sabores da bebida com os de um alimento ou prato específico pode proporcionar experiências gustativas únicas.

Mas nem sempre isso é fácil. Existem alguns alimentos difíceis de harmonizar com vinho e que exigem maior atenção e cuidados para que não estrague a experiência gastronômica. Conheça sete deles.

Peixes Defumados

Uma luta difícil de ganhar. Há brancos valentes que podem acertar em cheio, mas a escolha tem que ser criteriosa, pois o sabor de fumaça cobre quase tudo.
Harmonização: Chardonnay e brancos em geral, desde que bem amadeirados e glicerinados. Ou seja, brancos de regiões quentes.

Ovos

Com certeza os ovos não são os maiores companheiros dos vinhos, mas é possível aproximar uma harmonização, embora nunca fique perfeita.
Harmonização: Tintos levinhos tipo os Borgonha genéricos ou os Beaujolais e até mesmo os brancos quase neutros da uva sauvignon blanc, preferencialmente de regiões bem frias, como a Nova Zelândia.

Dica de leitura:  Receita de arroz de forno cremoso e vinhos para harmonizar

Vinagretes e Picles

Eis uma dupla difícil, mas que pode dar certo. Afinal, dificilmente esses alimentos estão puros, sempre têm algum acompanhamento.
Harmonização: Os brancos leves sem madeira e bem ácidos, como os proseccos, são os mais indicados. Nunca abra vinhos caros para vinagretes e picles.

Aspargos

Outro alimento difícil de ser harmonizado é o aspargo, pois sua textura fibrosa e seu sabor amendoado sobressaem sobre quase todos os vinhos. Uma saída é acrescentá-lo a algum prato cremoso.
Harmonização: Evite tintos e brancos fortes, dê preferência para brancos leves e ácidos, como o Vinho Verde ou Jerez Manzanilla.

Sorvetes

O sorvete amortece as papilas gustativas e neutraliza o sabor de quase todos os vinhos, quase.
Harmonização: Vinho fortificado (Moscatel de Setubal ou Porto). Mas deve ser servido à temperatura ambiente, pois o efeito quente do álcool irá contrastar com o congelante do sorvete.

Dica de leitura:  10 vinhos imperdíveis até R$ 40

Alcachofra

Vegetal dos mais difíceis de harmonizar, pois deixa quase todos os vinhos doces ou metalizados. Mas não perca a esperança, harmonize da mesma maneira que os aspargos. Ou seja, dê preferência para brancos leves e ácidos.

Legumes frescos

Vegetais frescos são muito difíceis de harmonizar com vinho por serem resinosos, possuírem sucos verdes e acidez excessiva. Para acompanhá-los, prefira uma bebida menos alcoólica, tal como os frisantes.

Escrito por: