Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Enoturismo

3 vinícolas para visitar no Languedoc

12 agosto 2015
  • 1544 visualizações
  • 0 comentários

Opção é o que não falta por lá. Para facilitar, selecionamos três vinícolas que entregam o que o Languedoc tem de melhor: bons vinhos.

Na região com a maior área de vinhedos plantados do mundo, o que não falta são opções de vinícolas para visitar. Para termos uma ideia, hoje, o Languedoc* possui mais de 290.000 hectares plantados com uvas e produz, aproximadamente, 15 milhões de hectolitros de vinho por ano.

Tudo isso se estende por toda a Costa Mediterrânea, das fronteiras com a Itália e com a Espanha. Em suma, sozinho, o Languedoc representa um terço da área de vinhedos da França e abriga cerca de 2.800 produtores. É muita coisa!

Diante de tantas possibilidades, bate aquela dúvida de onde ir para degustar um bom exemplar da região. Como faz parte da nossa missão facilitar a vida de quem pretende conhecer um pouco mais o mundo dos vinhos, selecionamos algumas vinícolas que cumprem bem esse papel. Olha só:

Dica de leitura:  A temperatura ideal para servir e beber vinho

Gérard Bertrand

Gerard Bertrand

A Gérard Bertrand é a vinícola que marca presença no site da Wine. O produtor é um anfitrião nato e sua propriedade já se tornou destino carimbado no Sul da França, graças às atividades culturais que desenvolve junto a momentos de degustação de seus exemplares. Uma delas é o Festival Jazz à L’Hospitalet que, anualmente, harmoniza música, vinhos e gastronomia local em um só lugar.

Château de Sérame

Serame

Uma das propriedades mais antigas do Languedoc, as terras do Château Sérame já serviram até como local de acampamento de César e os restos das moradias construídas pelos romanos foram encontrados não muito longe do atual castelo, que foi construído em 1802. Além de atestar a qualidade dos vinhos, visitar o lugar é fazer um verdadeiro tour pela história da região.

Dica de leitura:  Como ler rótulos de vinhos argentinos

Fortant de France

Fortant de France

A Fortant de France é conduzida pelos pioneiros Skalli. Na década de 70, a família fixou-se na cidade de Sète e, ao perceber o potencial do Languedoc para uvas de qualidade, aperfeiçoou sua experiência e conhecimento sobre os vinhos da região. Não demorou muito para serem sucesso e tornarem-se uma marca de inovação. Alguns exemplares dessa incrível vinícola, você encontra aqui.

Só reforçando, é sempre bom entrar em contato com as vinícolas antes de viajar. Visitantes agendados são sempre melhor recebidos.

Para saber um pouco mais sobre essa região, vale a pena relembrar por onde nossos Winehunters passaram na viagem que fizeram por lá. Leia mais e divirta-se!

*Fonte: www.creme-de-languedoc.com/Languedoc/wine/

Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.