Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Sommelier Wine

O que significa Extra-dry nos espumantes?

14 fevereiro 2018
  • 16887 visualizações
  • 0 comentários

Dentre as diversas classificações de doçura dos espumantes, você sabe o que significa o termo extra-dry? Descubra agora.

Provavelmente você já deve ter visto o termo extra-dry em algum rótulo de espumante. Ao contrário do que o termo induz, não se trata de uma classificação extra seca. Isso significa que um espumante extra-dry não será semelhante, no paladar, ao extra-brut, que possui pouca doçura.

A classificação de doçura dos espumantes é definida ainda durante a vinificação. Geralmente, os espumantes começam a ser vinificados secos. O grau de doçura é determinado na adição do licor de expedição, uma quantidade de vinho e açúcar, (ou similar).

No mundo do vinho, cada país ou continente possui diferença de legislação. Por isso, é comum encontrarmos vinhos importados que passam por reetiquetagem. Termos oficiais de alguns países não possuem a mesma validade no Brasil, como é o caso do extra-dry, que permanece no nome do rótulo, mas leva uma nova etiqueta no contrarrótulo.

Dica de leitura:  Como a madeira interfere nos vinhos

Quando os exemplares passam pelo MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o rótulo precisa estar de acordo com a Legislação Brasileira. Isso porque quando mudanças forem necessárias, principalmente na classificação de açúcar, elas são realizadas com base nos laboratórios nacionais e, claro, na legislação.

Por exemplo: um espumante europeu, como é o caso do clássico Prosecco, se vier da Itália como Extra-dry, entra no Brasil como Brut ou Seco.

Veja abaixo a diferença entre as classificações, no Brasil e na União Europeia:

Legislação Brasileira

Nature

Até 3 g de açúcar por litro;

Extra-brut

De 3 a 8 g de açúcar por litro;

Brut

De 8 a 15 g de açúcar por litro;

Seco

De 15 a 20 g de açúcar por litro;

Demi-sec

De 20 a 60 g de açúcar e por litro;

Doce

Acima de 60 g de açúcar por litro.

Dica de leitura:  Como harmonizar água e vinho

Legislação Europeia (dados da OIV)

Brut

Até 12 g/l de açúcar com tolerância de + 3 g/l;

Extra-dry

Acima de 12 g/l de açúcar até 17 g/l com tolerância de + 3 g/l;

Dry

Acima de 17 g/l de açúcar até 32 g/l com tolerância de 3 g/l;

Demi-sec

Acima de 32 g/l de açúcar até 50 g/l;

Doce

Acima de 50 g/l de açúcar.

Escrito por: