Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Tipos de Vinhos

Descubra as características do vinho suave

25 Maio 2021
  • 120 visualizações
  • 0 comentários

Sem muito esforço, é possível encontrar bons rótulos de vinhos suaves, que envolvem o paladar e garantem ao apreciador uma sensação confortável na boca. Saiba mais!

É possível dizer que há um consenso sobre o universo dos vinhos: ele é bastante democrático. 

E é justamente por isso que, neste texto, vamos falar um pouco mais sobre o vinho suave, muito requisitado por quem está dando seus primeiros passos neste ambiente encantador que é o mundo de Baco. 

Dica de leitura: Qual a diferença entre vinho seco, meio seco, suave e doce?

Também conhecido por muitos como vinho doce, o vinho suave contém de 25 a 80 gramas de glicose por litro, contra a taxa máxima de 4g por litro dos vinhos secos, para se ter uma ideia. Ou seja, o vinho suave é assim definido exclusivamente por conta de sua graduação de açúcar residual e não pelo tipo de uva usada em sua produção. 

Vinho suave: fácil de beber

Embora seja questionado por muitos apreciadores de vinhos, o vinho suave é fácil de beber e de agradar a paladares iniciantes, graças ao sabor bem adocicado, e aos taninos, corpo e acidez mais leves e sutis.

Acredita-se que parte do preconceito com esse tipo de vinho pode ter vindo de tempos bem passados, quando não havia tanto recurso e conhecimento, e a bebida costumava receber a adição de mel e especiarias para ser “amaciada”. 

Atualmente, não é necessário muito esforço para encontrar bons vinhos suaves, que envolvem todo o paladar e garantem ao apreciador uma sensação mais confortável na boca. 

Um exemplo é o Cuatro Elementos Canelones Tannat Merlot Suave 2019, um blend de duas uvas tintas potentes que ganha notas frutadas suaves e delicadas. O rótulo da vinícola Aurora revela certa versatilidade e vai bem com carnes vermelhas como a picanha e também com pratos condimentados de sabor agridoce. Deu água na boca aí também?

Tipos de vinho suave

  • Vinho suave fino: é elaborado com as uvas Vitis vinifera, que, ao contrário do que muita gente pensa, não dão origem apenas a vinhos secos. Sendo assim, há vinhos suaves feitos de uvas mais famosas, como a Cabernet Sauvignon, a Pinot Noir, Merlot e Chardonnay.
  • Vinho suave de mesa: é elaborado com uvas americanas (Vitis labrusca), são aqueles conhecidos como “de garrafão”. Nos últimos tempos, alguns pequenos produtores, principalmente do Sul do país, têm se destacado no preparo deste tipo de bebida.

Não se confunda!

Nem todo vinho licoroso é suave/doce, de acordo com a legislação brasileira que define a classificação. Por mais que o paladar possa se revelar mais adocicado, quando o exemplar tiver até 20 gramas de glicose por litro, ele será um licoroso seco.

Vinho suave: como harmonizar?

Vale sim ter um bom vinho suave na adega, principalmente, para aproveitar ocasiões de descontração e menos formais. O alto teor de açúcar residual o torna perfeito para harmonizar com sobremesa ou ainda comida apimentada. 

O gosto pessoal deve prevalecer sempre nas escolhas, mas é possível combinar o exemplar suave com alguns com sobremesas, pratos agridoces ou, até mesmo, com queijos azuis, que harmonizam bem pelo contraste de sabores. 

Dicas da Wine

bons frisantes que se encaixam na categoria de vinhos suaves, como é o caso do Frisante Villa Feudale I.G.T. Lambrusco dell’Emilia Rosso Amabile Suave.

O rótulo italiano entrega bastante leveza e notas frutadas no olfato, além de harmonizar muito bem com preparos agridoces e picantes. De visual rubi e acidez agradável, pode acompanhar também pratos mexicanos como tacos, nachos e burritos puxados na pimenta. 

Elaborado com as uvas Lambrusco Salamino e Lambrusco Grasparossa, o Frisante Villa Feudale I.G.T. Lambrusco dellEmilia Bianco Amabile Suave revela um leve dulçor no paladar e pode ser apreciado com uma simples mas saborosa torta de palmito ou com uma quiche de queijo com bacon. 

Com bom custo-benefício, o brasileiro Salton Classic Trivarietal Suave traz um blend com aromas de frutas vermelhas, frescas, com notas de especiarias. 

Tem perfil de consumo fácil, para celebrar os bons momentos cotidianos, e pode acompanhar churrasco, pizzas variadas, estrogonofe de carne, escondidinho de frango, calabresa acebolada ou mesmo uma tradicional massa à bolonhesa.

Agora que já conhece características importantes do vinho suave, que tal fazer sua própria seleção em nosso site?

Escrito por: Wine