Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Diário do Winehunter

Semana dos Primeurs em Bordeaux

17 abril 2015
  • 844 visualizações
  • 1 comentários

Você sabe o que significa o termo Primeur? Descubra o significado dessa palavra e tudo o que aconteceu na Semana dos Primeurs em Bordeaux, na França.

Por Manu Brandão

A palavra francesa Primeur refere-se a uma novidade, um produto jovem e, no caso dos vinhos, sobretudo os de Bordeaux, dá nome aos exemplares que ainda estão em processo de vinificação, mas que podem ser degustados em vários estágios, analisados, avaliados e vendidos antecipadamente.

Esses vinhos não são destinados ao consumo nesse momento. Eles devem permanecer descansando nas barricas de carvalho por, no mínimo, 12 meses, esperando a maturação completa, para que possam expressar todo o potencial.

A semana dos Primeurs, em Bordeaux, é dedicada exclusivamente aos profissionais especializados e acontece todo o ano, com convites limitados. O objetivo é avaliar como será a safra 2014 dos vinhos, o que é uma avaliação muito difícil, já que os exemplares só estarão prontos depois de 18 a 24 meses.

No início, já fomos recebidos por essa vista incrível, acima. No fundo, o Château Angelus, Grand Cru Classé A de Saint-Émilion.

Dica de leitura:  Maratona de vinhos

Foto 2

Ficamos hospedados no Château Roylland, vinícola de produção pequena de apenas cinco hectares, que elabora somente um vinho e tem como consultor o renomado enólogo Michel Rolland. Eu e o Vicente participamos todos os anos e, desta vez, tivemos a oportunidade de fazer uma degustação privada, no Château Lafleur-Pétrus, com um vinho que nos impressionou muito e já parecia estar pronto. Fantástico!

Foto 3

Essa viagem de 22 dias começou na Alemanha, em Dusseldorf, na feira Prowein e, a partir de lá, passamos por varias regiões da França, fomos para Tokaj, na Hungria, até chegarmos a Bordeaux, bastante cansados.

Mesmo assim, comemoramos meu aniversário, dia 29 de março, data em que, coincidentemente, também é celebrado o aniversário de Curitiba, cidade em que vivi por 12 anos.

Foto 4

As degustações foram feitas de Château em Château. Começamos pela margem direita, onde predominam as uvas merlot e cabernet franc. Então, seguimos para a margem esquerda, onde reina a cabernet sauvignon.

Dica de leitura:  Saiba tudo sobre a Expovinis 2015

Degustamos todos os Primeurs Cru Classés no Château Latour. Foi uma degustação Primeur peculiar porque, além da safra 2014, degustamos as safras 2011 e 2003. Impressionante!

Foi a degustação mais marcante dessa semana e, inclusive, aproveitamos para visitar o “Chais a Barrique”, onde as barricas descansam, um local muito bem cuidado, com luz indireta e silêncio. Bárbaro, como diz o Vicente! Rsrs.

Foto 5

Foram dias puxados, mas muito bons e produtivos. Visitamos vários Châteaux, como Haut Brion, Margaux, Mouton Rothchilds, Lafite Rothschild, Angelus, Ausone… No Château Palmer, um dos mais bonitos do Medoc, outra bela degustação, como você pode ver na foto.

Foi, mais uma vez, uma experiência inesquecível e enriquecedora! Certamente estaremos na Semana dos Primeurs de Bordeaux do ano que vem.

Aguarde e acompanhe o Diário do Winehunter! Em breve, teremos alguns desses vinhos ícones que degustamos na Wine.com.br.

Até logo!

indicacao-do-winehunter

 

Escrito por: Manu Brandão

Winehunter, francês e nativo de Bordeaux com mais de 25 anos de experiência no mundo do vinho.