Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Dicas

Vinhos e Filmes

18 fevereiro 2019
  • 4761 visualizações
  • 0 comentários

Duas paixões que têm tudo a ver: vinhos e filmes! Às vésperas do Oscar, a maior premiação do cinema mundial, confira os rótulos perfeitos para vocês assistir aos indicados a Melhor Filme ou até mesmo à cerimônia.

A maior festa cinematográfica do mundo está chegando e, ainda que você não seja um supercinéfilo, é difícil não ficar de olho nos indicados, nas estrelas que estão em alta e nas novidades do Oscar.

A cerimônia do Oscar teve início em 1929. A duração do evento era de apenas 15 minutinhos, mas o desejo pela prestigiada estatueta de bronze banhada a ouro começou desde cedo. Aliás, a estátua que exalta os feitos artísticos da sétima arte nunca mudou de formato.

Dizem que seu design foi feito pelo diretor de arte da MGM, Cedric Gibbons, inspirado pela aparência do cineasta mexicano Emilio Fernandez, um dos grandes galãs da época. Já o nome da estatueta – acredite! – veio de uma piada, quando a bibliotecária da academia, que anos depois se tornou diretora-executiva da premiação, a comparou com seu tio chamado Oscar.

Curiosidades à parte, é claro que o melhor jeito de se preparar para a cerimônia é com um bom vinho. Confira os filmes indicados na categoria de Melhor Filme e o rótulo ideal para você apreciar enquanto os assiste ou apenas para curtir a premiação com as melhores companhias.

 E o Oscar vai para…

Indicados para Melhor Filme

A Favorita

O filme se passa no século XVIII e conta a história da rainha da Inglaterra, Ana. A soberana tinha como confidente, conselheira e amante secreta uma influente personagem da corte, a Duquesa de Marlborough, que viu seu posto abalado com a chegada de uma criada que se tornou a preferida da majestade.

O vinho ideal: La Motte De Clément Pichon 2012, um rótulo francês elegante e poderoso, segundo vinho do famoso e tradicionalíssimo Château Clément-Pichon.

Dica de leitura:  Como fazer Clericot

Nasce uma Estrela

Estrelado pela ousada Lady Gaga e o multitalentoso Bradley Cooper, o filme conta a história de um famoso cantor que se encanta por uma insegura cantora e resolve investir em seu talento. Trata-se de um remake da clássica história de amor de 1938, com mais duas versões, uma em 1954 e outra em 1976.

O vinho ideal: Espumante Partridge Stars Brut, um exemplar delicado, mas com presença, capaz de surpreender os mais diversos paladares, assim como a protagonista do filme.

Pantera Negra

Dos quadrinhos para as telonas, o filme da Marvel conta a história do príncipe T’Challa e é ambientado em Wakanda, um país fictício localizado na África subsariana. Superelogiado, a obra é um manifesto cultural interessante e necessário.

O vinho ideal: Dent de Lion Winemakers Selection W.O. Western Cape Blend 2015, um tinto intenso, elaborado na África do Sul, cheio de personalidade e sabor.

Green Book: O Guia

O ano é 1962 e um grande fanfarrão vê sua discoteca fechar as portas. Ele, então, busca um novo emprego e conhece um pianista, que o convida para fazer uma turnê com ele. No início há atrito, mas logo um vínculo palpável começa a crescer durante a estrada.

O vinho ideal: Terra d’Uro D.O. Toro Verdejo 2017, um exemplar fresco e leve que traz a uva Verdejo, uma variedade muito cultivada na Espanha.

Bohemian Rhapsody

O filme conta a história de uma das grandes bandas de rock do mundo, o Queen. Com foco na vida extravagante do líder e vocalista Freddie Mercury, a história é bastante fidedigna aos shows icônicos do grupo, mostrando a criação de músicas que se tornaram verdadeiros símbolos e conquistaram milhões de fãs ao redor do planeta.

Dica de leitura:  Receita de lulas empanadas com aioli

O vinho ideal: Champagne Montaudon Brut, um rótulo sofisticado e cheio de estilo, um legítimo champagne que traduz bem o que é requinte.

Vice

Vice conta a ascensão de Dick Cheney, que foi vice-presidente dos Estados Unidos durante o governo Bush, de 2001 a 2009. Ele exerceu uma influência gigante e se tornou um político poderoso.

O vinho idealOverture By Opus One Napa Valley, um rótulo opulento, potente e forte, considerado um dos grandes vinhos premium da Califórnia.

Infiltrado na Klan

O filme de passa em 1978 e conta a história de um policial negro que conseguiu se infiltrar na Ku Klux Klan local. Ele só se comunicava através de cartas e telefonemas e, quando precisava estar fisicamente, mandava um policial branco.

O vinho ideal: Don Valentin Lacrado Roble Malbec 2014, um tinto delicioso elaborado com a Malbec, uva francesa que se adaptou com perfeição ao terroir argentino, até melhor que em sua terra natal.

Roma

Um dos filmes mais comentados do ano, Roma é sensível, intimista e profundo. Ele se passa no México, mas seu nome pode ser explicado pelas referências ao neorrealismo italiano.

O vinho ideal: Cantine Pellegrino Gibelè I.G.T. Terre Siciliane Zibibbo 2017, um exemplar italiano encantador, de muita intensidade aromática e paladar marcante.

Recomendamos para você:

( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.