Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Sommelier Wine

Cabernet Sauvignon: a rainha das uvas tintas

31 dezembro 2020
  • 12311 visualizações
  • 0 comentários

Saiba tudo sobre a uva Cabernet Sauvignon, uma casta com sabores potentes e rótulos incríveis!

Se é apaixonado por vinhos, provavelmente já provou um ou mais exemplares da uva Cabernet Sauvignon. A casta mais produzida e consumida em todo o mundo carrega a tradição da região de Bordeaux, na França, como origem de sua história e hoje já ganhou o mundo pela sua versatilidade. 

De forma geral, os vinhos tintos produzidos a partir da Cabernet Sauvignon são de cor profunda, encorpados, com forte acidez e taninos acentuados. A produção da uva em regiões, climas e blends diferentes faz com que a casta dê origem a vinhos que vão desde rótulos com ótimo custo-benefício até vinhos que estão entre os mais caros do mundo. 

Reunimos aqui tudo o que você precisa saber sobre a uva Cabernet Sauvignon. Confira!

Características da Cabernet Sauvignon

A uva Cabernet Sauvignon, conhecida como rainha das tintas, ainda no pé tem como características principais a casca grossa e a polpa pequena – o que resulta no sabor concentrado e alto tanino.

O amadurecimento da casta é tardio, o que significa que os bagos de Cabernet são alguns dos últimos a serem colhidos no processo de produção. Além de termos ótimos exemplares de rótulos 100% Cabernet Sauvignon disponíveis no mercado, a uva é fácil de ser misturada com outras, com ótimos resultados dos blends. 

São vinhos que costumam envelhecer muito bem e, quando em barrica, seus taninos são amaciados, dando espaço aos aromas de baunilha, ameixa, chocolate e tabaco. Os aromas mais comuns do Cabernet Sauvignon são cereja-negra, cassis, pimentão, especiarias e cedro.

Em regiões produtoras com clima marcado por temperaturas mais altas, é comum os vinhos terem mais corpo, taninos suaves e aromas de frutas negras. É o caso dos Estados Unidos, Austrália, Argentina, África do Sul, regiões centrais e sul da Itália e Espanha. 

Já em lugares mais frios, como França, Chile e norte da Itália, os vinhos costumam ser mais duros, adstringentes (sensação de boca seca) e com herbáceo muito forte.

Harmonização com a Cabernet Sauvignon

Ao harmonizar os rótulos deve-se ter em mente que a casta origina vinhos potentes, com bastante corpo e tanino. Dessa forma, o ideal é optar por pratos também de sabores marcantes, como carnes mais gordurosas e/ou massas ao molho bolonhesa, por exemplo. 

Se o vinho for mais encorpado e com médio ou longo amadurecimento em barricas, o mais indicado é um prato untuoso, substancioso, como carnes mais gordurosas (costela, cupim, por exemplo), polenta com ragu, pratos à base de queijos ou de embutidos.

O que combina com Cabernet Sauvignon:

  • Massas ao molho bolonhesa, 
  • Carne assada, 
  • Churrasco,
  • Risotos, 
  • Polenta com ragu, 
  • Queijos duros,
  • Patês condimentados.

Dicas de rótulos: 

História da Cabernet Sauvignon

A uva Cabernet Sauvignon nasceu no berço da história do vinho: a França, mais especificamente na tradicional Bordeaux, principal região produtora de vinho do mundo. A casta recebeu este nome por ser cruzamento entre as uvas Cabernet Franc (tinta) e Sauvignon Blanc (branca), ambas nascidas na região francesa.

A primeira vez que se teve notícias da Cabernet foi em meados do século XVII e atualmente, devido ao volume de consumo da casta no mundo e à fácil adaptação a diferentes terroirs, a Cabernet Sauvignon é cultivada em todos os países produtores.

Além da grande capacidade de se adaptar aos mais diversos terroirs, a uva também apresenta uma casca grossa que faz com que seja muito resistente às pragas e às adversidades climáticas, como o excesso de chuva, por exemplo. 

Apesar disso, especialistas indicam que as características ideais para a produção da Cabernet Sauvignon são os solos pobres e cascalhentos e climas quentes, como em Bordeaux e na Califórnia, nos Estados Unidos.

Com uma maturação mais longa da fruta, as altas temperaturas ajudam no processo, como é o caso da região americana, que se desponta atualmente como forte produtora da uva. 

Gostou de saber mais sobre a Cabernet Sauvignon?  Que tal conferir agora dicas para uma harmonização perfeita entre seus pratos preferidos e vinhos incríveis?

Escrito por: Wine