Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Dicas

9 vinhos que passam por barricas de carvalho

27 agosto 2018
  • 1214 visualizações
  • 0 comentários

Vinhos que passam por barricas de carvalho adquirem características especiais da madeira. Selecionamos 9 rótulos amadeirados imperdíveis para você apreciar. Confira.

As barricas de carvalho são usadas para amadurecer e envelhecer vinhos e outras bebidas. A influência que a madeira causa no vinho pode ser percebida tanto nos aromas quanto no paladar. Quanto mais tempo o líquido passa em contato com a barrica, maior a interferência da madeira.

Ao contrário do que muita gente pensa, não são apenas vinhos tintos que amadurecem em barricas. Brancos, rosés e até espumantes também podem ser armazenados em madeira. Tudo depende do estilo do produto e do que o enólogo quer expressar na bebida.

Selecionamos exemplares imperdíveis, que passam por barrica de carvalho, para você experimentar. Olha só!

Partridge Selección de Barricas Ancellotta 2014 – Encorpado e sedoso, passa 18 Meses em barricas novas de carvalho francês e americano.

La Roncaia I.G.T. Delle Venezie Refosco 2015 – Com uma safra de qualidade, é elegante, maduro e passa 18 meses em barricas de carvalho, seguido por mais 6 meses em garrafa.

Dica de leitura:  Aromas da madeira no vinho

Esporão Private Selection Branco 2016 – Varietal com uma uva não tão conhecida, a Sémillon, que passa 6 meses em barricas de carvalho francês, mais 6 meses em garrafa.

Bobal deSanjuan D.O.P. Utiel-Requena Rosé 2016 – Fresco, leve e com fruta em evidência, parte desse rosé passou 6 meses em barricas de carvalho.

Gallo Signature Series Russian River Valley Chardonnay 2015 – Harmônico, complexo e frutado, passa 12 meses em barricas de carvalho francês e americano.

Vila Vita Reserva Tinto 2009 – Um tinto estruturado, com taninos marcantes e equilibrados, que passou 16 meses em barricas de carvalho francês.

Altos de José Ignacio Reserva Tannat 2015 – Frutado, fresco e com taninos presentes, passou 12 meses em barricas de carvalho francês.

Cistum D.O. Navarra Garnacha 2014 – Fresco, com boa presença em boca e taninos macios, amadureceu 6 meses em barricas de carvalho francês.

Dica de leitura:  Cinco vinhos Tempranillo para você provar

Château de La Rivière A.O.C. Fronsac 2008 – Encorpado, com taninos robustos e notas de madeira por amadurecido 15 meses em barricas de carvalho, sendo 40% novas e 60% de primeiro uso.

Recomendamos para você:

( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
( )
R$##,##
Sócios ClubeW: R$##,##
CONFIRA
Escrito por: Bia Miranda

Redatora e revisora da Wine, além de perdidamente apaixonada - e curiosa - pelo mundo do vinho.