Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Enoturismo

Urmeneta e Altivo: conheça duas tradicionais vinícolas do grupo VSPT

19 novembro 2021
  • 85 visualizações
  • 0 comentários

Os rótulos Urmeneta e Altivo estão entre os mais requisitados do portfólio da Wine. Saiba mais sobre a história das vinícolas e sobre os vinhos argentinos e chilenos!

Você arrisca um palpite sobre os vinhos mais requisitados do portfólio da Wine? Sem dúvidas, os exemplares produzidos no Novo Mundo têm lugar especial na preferência dos clientes e assinantes Clube Wine

Entre os campeões de pedidos, figuram os rótulos da vinícola chilena Urmeneta, produzidos aos pés da Cordilheira dos Andes, e da argentina Altivo, estabelecida na aclamada região de Mendoza.

Ouça também: Por trás dos rótulos da Wine: Altivo e Urmeneta

Ambos pertencem ao grupo VSPT, formado por quase uma dezena de vinícolas de renome e um dos maiores exportadores de vinhos da América do Sul, com mais de 80 países entre a clientela atendida.

No total, o grupo VSPT é detentor de mais de 7 mil hectares de vinhas plantadas no Chile e na Argentina. Abaixo, conheça mais sobre as vinícolas Urmeneta e Altivo!

Urmeneta: tradição do Valle Central

A vinícola Urmeneta foi fundada em 1860, na região do Valle Central, no Chile, pelo jovem empresário José Tomás Urmeneta, que trabalhava no setor de mineração mas se reencontrou na vitivinicultura, à época, descobrindo uma nova vocação. 

Visionário e com forte veia empreendedora, Urmeneta descobriu terras com grande potencial na região e investiu no plantio de algumas das mais nobres variedades francesas, como Carménère, Cabernet Sauvignon, Merlot, e Chardonnay.

Junto da vitivinicultura, o patriarca Urmeneta continuou a investir nos mercados de gás, ferrovias e de minas de cobre, além de ter exercido carreira política.

Atualmente, Varietal e Reserva são as linhas oferecidas aos brasileiros pela Viña Urmeneta, que mantém um forte compromisso com o meio ambiente.  

Dica de leitura: Vinhos Dadá chegam às lojas Wine com proposta ousada e criativa

Os rótulos são feitos com uvas colhidas em diferentes períodos de maturação, e são conhecidos pelo frescor e pelos sabores equilibrados, com características típicas dos vinhos finos chilenos. Veja as sugestões de vinhos Urmeneta abaixo!

Urmeneta Bag In Box Cabernet Sauvignon 3 L

Mais prática, sustentável e versátil, a alternativa da Bag In Box é uma novidade da Wine. Comum na Europa e em outros países da América Latina, o formato mantém a qualidade e o sabor deste vinho chileno, que é fácil de beber, frutado e jovem no paladar.

Produzido no Valle Central, o exemplar traz notas de morango, framboesa e ervas, e tem potencial de guarda de até dois anos.

Bom para ir à mesa a uma temperatura de 15 °C, combina com pratos como pernil acebolado, frango recheado, berinjela à parmegiana, panqueca à bolonhesa, sanduíche de carne e queijo, e carne de panela com batatas.

Urmeneta Rosé 2020

Também produzido com uvas cultivadas no Valle Central, este rótulo nasce do blend entre as uvas Cabernet Sauvignon e Merlot.

A combinação rende um exemplar rosé de alta qualidade, indicado para momentos do cotidiano, mas que também serve para bons brindes.

As notas olfativas remetem a morango, cereja e framboesa, e o paladar é leve, frutado, com boa acidez e fácil de beber. 

Com potencial de guarda de até dois anos, vai bem à mesa com saladas, pratos da cozinha oriental, sobrecoxa de frango recheada, espaguete à moda primavera ou com petiscos como salgadinhos fritos e espetinho de camarão. 

Urmeneta Reserva Carménère 2020

Um exemplar que confirma como a Carménère se adaptou bem ao terroir chileno do Valle Central. Não é à toa que a cepa francesa tornou-se, com o passar dos anos, a uva emblemática do país sul-americano. 

Amadurecido em barricas de carvalho, este tinto tem potencial de guarda de até cinco anos. Tem notas olfativas amadeiradas e vegetais, além de nuances de frutas vermelhas. 

O paladar é de médio corpo, com taninos macios e frescor. É uma boa pedida em refeições com pimentão assado, galeto recheado, pizzas, carnes vermelhas assadas, massas com molho de carne e queijos tipo camembert.

Urmeneta Sauvignon Blanc 2020

Bom para aperitivo ou para harmonizações com receitas simples, este rótulo agrada com facilidade a todos os tipos de paladar. 

Amadurecido em tanques de aço inox, é indicado para ir à taça a uma temperatura de 8 °C.

O potencial de guarda deste Sauvignon Blanc é de até três anos. Os aromas revelados quando o vinho é aberto lembram frutas amarelas frescas e frutas cítricas. 

No paladar, é leve, frutado e refrescante. Sirva-o com ravióli de ricota e nozes, risole de queijo, bolinho de arroz, espetinho de camarão, torta salgada, ou com quiche de queijo.

Altivo: a força dos varietais argentinos

À frente de seu tempo, Eugenio Bustos já possuía, no final do século 19, cerca de mil hectares de uvas Malbec cultivadas no Valle do Uco, antes mesmo da variedade tornar-se um ícone na Argentina.

É na cidade de mesmo nome, Eugenio Bustos, que fica a vinícola homônima, hoje responsável pelo cultivo das mais diversas cepas de uva na região de Mendoza e pela produção de vinhos de excelência com a marca Altivo, uma das vinícolas do grupo VSPT.

Uma das linhas da Altivo, a Classic, tem como característica principal valorizar as safras recentes em vinhos varietais, geralmente indicados para momentos especiais ou para degustações do cotidiano.

Dica de leitura: Vantagens e benefícios: conheça as Sete Maravilhas do Mundo Wine

São vinhos de alta qualidade, muito requisitados pelos paladares mais exigentes dos veteranos e também por quem está começando a descobrir o mundo dos vinhos.

Entre as variedades oferecidas, estão Cabernet Sauvignon, Tempranillo, Chardonnay, e Pinot Grigio, além da própria Malbec.

Conheça alguns dos exemplares selecionados pelos WineHunters da equipe Wine!

Altivo Classic Chardonnay 2020

Bom para quem está dando os primeiros passos no universo dos vinhos, este Chardonnay tem curta passagem por carvalho para amadurecimento.

No olfato, traz notas de frutas frescas (amarelas e cítricas) e algumas nuances de baunilha.

Com acidez agradável e paladar jovem, é uma boa companhia para saladas e outros pratos leves como tabule, filé de frango com batatas, wrap de ricota e risoto caprese.

Altivo Classic Rosé 2019

Um rosé que reflete com fidelidade as características únicas do terroir de Mendoza.

O vinho nasce de um blend entre a Malbec e a Syrah, e tem perfil jovial e moderno, com potencial de guarda de até três anos.

No olfato, revela notas de frutas vermelhas e florais. O paladar é leve, com traços de taninos da Malbec, e boa acidez.

Acompanha bem à mesa arroz de camarão, quiche lorraine, nhoque ao sugo, tender assado com frutas, ou carpaccio.

Altivo Vineyard Selection Malbec 2019

Elaborado a partir de uvas Malbec cultivadas no Valle do Uco, este rótulo tinto destaca as notas frutadas tanto no aroma quanto no paladar.

Vindo de um terroir onde a altitude e o clima desértico são fatores marcantes, passa cerca de nove meses em barricas de carvalho francês.

Indicado para ser consumido a 15 °C, exibe no olfato notas marcantes de frutas vermelhas, negras e especiarias, além de cacau.

O paladar tem médio corpo, com taninos macios e acidez agradável. Vai bem com espaguete ao sugo com almôndegas, arroz de carreteiro, empanadas, carne de sol com mandioca, estrogonofe de cogumelos, e com queijos semiduros.

Altivo Classic Torrontés 2020

Integrante da linha Classic, que exalta os varietais, este exemplar branco produzido com a Torrontés se destaca pelas notas cítricas, florais e de lichia.

Bom para entrar em cena nos dias mais quentes, deve ir à taça a uma temperatura de 8 °C. No olfato, apresenta notas de frutas cítricas, lichia e flores como rosas e jasmim.

O paladar é leve, equilibrado e com bom frescor, e surpreende à mesa quando combinado a pratos como linguado com espaguete ao pesto, lula à dorê, risoto de palmito e queijo brie, frango à passarinho ou com quiche de espinafre com ricota.

Altivo Classic Tempranillo 2020

A Tempranillo expressa suas melhores características neste exemplar mendocino, considerado versátil e fácil de beber.

No olfato, as notas de ameixa, framboesa e mirtilo se sobressaem. Já no paladar, o vinho tem corpo leve para médio, com acidez agradável e taninos macios.

Amadurecido em tanques de inox, é indicado para ir à mesa a uma temperatura de 15 °C, com pratos como espaguete ao sugo, batatas recheadas, lasanha de berinjela com queijo, baião de dois ou escondidinho de carne seca.

Pizza também é uma boa pedida para acompanhar.

Já conhecia os exemplares das marcas Urmeneta e Altivo? Quer ficar por dentro de todos os detalhes ligados ao universo dos vinhos? Ouça já o Wineverso Podcast, seu novo guia sobre nossa bebida favorita! Dê o play no último episódio e saúde!

Escrito por: Wine