Abrir Menu Fechar Menu Abrir Campo de Pesquisa Fechar Search
Curiosidades

Mão na massa: conheça os melhores vinhos para cozinhar

13 abril 2022
  • 372 visualizações
  • 0 comentários

Além de servir bem para harmonização, o vinho também pode agregar sabor e aroma a risotos, carnes, massas e frutos do mar. Confira as melhores opções!

A experiência de degustar um vinho e aproveitar cada aroma e sabor que ele apresenta já é boa por si só, mas fica ainda mais especial quando há um bom prato para acompanhar a bebida. Mas e quando o vinho vai no preparo dos alimentos? Hoje você vai conhecer os melhores vinhos para cozinhar.

Para provar que nossa bebida favorita é, acima de tudo, um elemento extremamente versátil na cozinha, reunimos aqui hoje algumas dicas de bons rótulos para serem usados pelos cozinheiros de plantão! 

Dica de leitura: Tudo o que você precisa saber sobre a cor do vinho

São opções de vinhos brancos e tintos, que podem ser usados em preparos de massas, risotos, carnes, e muitas outras aventuras gastronômicas.

Mas, qual a função do vinho na hora de cozinhar?

Além de enriquecer o momento sendo protagonista de um brinde, o vinho faz bonito também dentro das panelas, como ingrediente de várias receitas. Às vezes, é um item indispensável, como no caso dos risotos.

Para entender melhor para que serve o vinho na hora de cozinhar e preparar um prato específico, precisamos lembrar que cada detalhe influencia no sabor final: volume de álcool, corpo, níveis de acidez e de doçura do vinho.

A bebida agrega sabor ao preparo culinário, além de realçar e acrescentar aromas à alquimia preparada. 

Ouça também: Wineverso PodcastVinho para iniciantes 

Os mais requisitados para as receitas são os vinhos brancos e tintos, geralmente secos

Os brancos, quando usados em marinadas ou no próprio cozimento, valorizam os sabores de peixes e frutos do mar, vegetais e legumes, e também de alguns cortes suínos. Também servem para o preparo do fondue de queijo, tradicional iguaria suíça muito consumida durante o inverno.

Já os tintos podem ser utilizados no preparo de carnes vermelhas ou mesmo para molhos.

Confira abaixo boas opções de vinhos para usar no preparo de receitas na cozinha!

Conte Fosco D.O.C. Delle Venezie Pinot Grigio 2020

Fresco e cítrico no paladar, chama a atenção também por ser delicado e aromático. É elaborado com a principal casta branca da região, a Pinot Grigio, e passa quatro meses em tanques de aço inox com bâtonnage.

Produzido na região do Veneto, na Itália, é um vinho com notas de maçã, pera e cítricos no olfato. O potencial de guarda é de até três anos. 

Pode ser utilizado para cozinhar, mas também é indicado para acompanhar entradas, frutos do mar e aves. 

Partridge Unfiltered Pinot Gris 2021

De estilo jovem e descomplicado, mais um exemplar com a Pinot Gris (ou Grigio) que reúne as características naturais da uva: leveza, frescor e riqueza de aromas e sabores. 

Feito em Mendoza pela vinícola Las Perdices, revela notas de frutas brancas, frutas amarelas, e toque floral. Na boca, é frutado e tem boa acidez. 

No dia a dia, vai bem com risoto de polvo, rondelli de bacalhau, quiche caprese e tiras de frango empanado. 

Seremos Chardonnay 2021

Feito com uvas de colheita manual, este Chardonnay é equilibrado, leve e muito saboroso. O cuidado no cultivo das uvas é refletido diretamente no frescor e na qualidade do rótulo. 

Reúne notas de frutas tropicais amarelas como maçã e abacaxi maduro, e tem paladar leve, frutado, com acidez equilibrada. Uma ótima alternativa para receitas que pedem um toque de vinho branco.

Também pode ser servido com frango grelhado, peixe grelhado com legumes ou com quiche de palmito. 

A Galet Blanco

Descomplicado, este rótulo surpreende pela acidez refrescante e por ser fácil de beber e de harmonizar. 

Produzido com a Tempranillo Blanco (80%) e a Verdejo (20%) em La Rioja, na Espanha, tem temperatura de serviço sugerida de 9 °C, mas também é um bom vinho para ser utilizado para cozinhar

Se sobrar depois do preparo dos pratos, ainda pode ir à mesa com peixe assado, frutos do mar em geral, com arroz com brócolis, massas, saladas e burratas.

Que Guapo Branco 2021

Ideal para quem quer um vinho jovem e saboroso, este exemplar une as variedades Chardonnay, Viognier e Torrontés em um blend concorrido que também funciona na panela.

Amadurecido em tanques de aço, pode ficar guardado por até três anos. No nariz, as notas lembram abacaxi, pêssego, pêra e flores. 

Vai bem com paella de frutos do mar, canelone de ricota com espinafre, espetinho de camarão, peixe assado com legumes, e com legumes gratinados.

Bouquet I.G.P. Pays dOc Sauvignon Blanc 2020

Direto do Languedoc, no Sul da França, este vinho apresenta aromas elaborados de frutas cítricas como lima, limão e toranja. É jovem e tem boa acidez no paladar.

Assinado pela Vignobles & Compagnie, tem potencial de guarda de até três anos, e deve ir à mesa a 9 °C.

Dica de leitura: Os principais aromas dos vinhos

Pode ser uma boa no preparo de risotos, mas também combina na mesa com queijo de cabra, frutos do mar, ceviche de tilápia, saladas frescas de folhas e frutas com aspargos grelhados.

Ímpetu Carménère

Mais um vinho descomplicado e fácil de ser apreciado, desta vez produzido com a uva emblemática do Chile, a Carménère, cultivada na região do Valle Central pela vinícola San Pedro.

Com notas de amora, cereja, especiarias e baunilha no olfato, tem corpo leve e é fresco na boca.

Boa opção para o preparo de carnes, e ainda harmoniza com pimentão recheado, com espaguete com almôndegas e com filé com fritas, além de pizza.

Staves and Steele Merlot 2020

Bom para harmonizar com pratos do dia a dia, este tinto sul-africando elaborado com a Merlot ainda faz bonito em marinadas e outros preparos na cozinha.

De origem francesa, a Merlot expressa neste vinho que se adaptou muito bem ao terroir do continente africano, mais especificamente de Western Cape

Tem notas de cereja negra e chocolate, e médio corpo no paladar, com taninos macios. Prove-o com lasanha, risoto de queijo brie com filé, abóbora refogada ou com berinjela gratinada no forno.

Já escolheu a receita do dia e o vinho para deixá-la ainda mais saborosa? Conheça outros detalhes e informações sobre o mundo da nossa bebida favorita no Wineverso Podcast, um bate-papo descontraído sobre vinho, disponível nas principais plataformas de streaming!

Escrito por: Wine